A garota da minha página

Há algum tempo não escrevo uma homenagem a alguém e, este alguém, particularmente, merece muito! É por todas nossas particularidades de gostos que se encaixam a uma amizade que nasce desse mais puro sentimento. Hoje venho contar da Malú, a Garota da Página ao Lado, que escreveu essa homenagem linda pra mim e ainda deu indicações maravilhosas de livros que com certeza lerei e trarei textos aqui pra vocês... Então, aí vai a minha homenagem pra você, Malú!


É, literalmente, a garota da página ao lado. A que, quando você virar cada página de um livro, ainda vai estar lá, marcando. A que, quando você fechar a contracapa e entrar nos pensamentos mais longínquos que puder, vai pegar suas malas e fazer viagem rumo à próxima história que você abrir.

É daquelas que conta uma história sozinha, mas que cabe perfeitamente na história de qualquer um. Daquelas que parece estranho não ter tido por perto sempre, tamanhas as semelhanças entre nossos mundos particulares. Daquela a qual dividi minhas particularidades, sei tanto dela quanto ela sabe de mim.

Mas ela é tão ela que, ao mesmo tempo que sei tudo, nada dela sei. É curioso descobrir. É uma história viva, das boas de ser contada, das boas de ser vivida!

Querida Malú, minha garota da página ao lado, és como a aurora do dia, porque ele não existe sem que ela o faça nascer... Assim, como sou a pequena poeta, você será a escritora de aurora, de outrora, de sempre!

Larissa Mariano


Nenhum comentário:

Postar um comentário